Plantão

terça-feira, 30 de setembro de 2014

10 declarações homofóbicas de celebridades que não têm preconceito

Nem sempre as pessoas que admiramos, como atores, cantores e outras celebridades, dizem coisas que condizem com as posições não preconceituosas que afirmam defender. O site A Capa elaborou uma lista com 10 casos de declarações homofóbicas, que segundo os próprios autores, não condizem com o respeito que afirmam ter pelos outros (será?). Muitos até "têm amigos gays".

Caio Castro: 

"Antes pegador que veado, né?"
A frase foi publicada em entrevista à revista Quem em 2012. Ele alegou que a afirmação não foi colocada exatamente como ele falou e que ele trabalha ao lado de vários gays. "Preconceito é um atraso", ressaltou.

Ganso:

"Graças a Deus não tem gay nos Santos"
Na época jogador, disse que "graças a Deus" não tinha nenhum. Depois, ele tentou se explicar e neste ano participou de um vídeo contra a homofobia.

Isabeli Fontana:

"Amo os gays de paixão, mas não quero ter um filho gay."
A declaração foi dada em 2008 no programa Hebe. "A gente não tem que ter preconceito, mas filho meu eu não gostaria que fosse gay. É um mínimo preconceito. Eu adoro, tenho vários amigos gays, amo de paixão, mas filho meu não (quero que seja)".

Mara Maravilha:

"Não concordo com essa aberração."
Na RedeTV!, em 2012, afirmou que acredita em ex-gays, que considera uma "aberração" o carinho de pessoas do mesmo sexo em público. Mara afirmou que se viu "vítima de calúnia", que não tem preconceito e que seus melhores amigos são gays.

Minotouro

"Eu não treinaria um aluno gay."
À Trip, o lutador Minotauro afirmou que não pretende treinar nenhum aluno gay. O motivo? Ele tem receio de que o aluno aproveite do contato com o seu corpo.

Myrian Rios 

"Preciso ter direito de não querer homossexual como meu empregado."
A ex-atriz confundiu homossexualidade com pedofilia nos últimos anos ao defender o direito de demitir um profissional porque ele é homossexual. Ela se desculpou posteriormente e disse ser contra a violência contra gays.

Miro Moreira

"Gosto é de mulher, graças a Deus."
Ficou irritado em entrevista ao R7, quando perguntado se tinha um caso com Reynaldo Gianecchini. O modelo já figurou em várias revistas gays.

Joelma

"É como um drogado tentando se recuperar."
A cantora Joelma, da banda Calypso, foi vista em um vídeo aconselhando um fã gay a "virar homem", "dar orgulho aos pais" e "deixar papai do céu maravilhado". Ela garante que não é preconceituosa.

Agnaldo Timóteo

"Ver dois homens de mãos dadas é uma agressão."
O polêmico cantor demonstrou ser contra que homossexuais demonstrem afeto em público durante o programa Superpop, da RedeTV!

Ronnie Von

"TV partiu para a escatologia e desfile de travestis."
O apresentador criticou a televisão brasileira e utilizou a palavra "escatologia" e "desfile de travestis" na mesma frase para justificar a rejeição.

Um comentário:

  1. Celebridades que emitiram uma opinião sincera e depois tentam pagar de politicamente corretas. Em alguns casos, nem tentaram. E daí que uma mãe não quer o filho gay? Qual mãe pergunta em um pré-natal "é um viadinho ou uma sapatinha?". Aceitar a existência e respeitar os direitos não é o mesmo que GOSTAR ou querer para si a experiência.

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentário.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Copyright © 2013 H de Homem
Traduzido Por: Template Para Blogspot - Design by FBTemplates